Empreendedorismo Oportunidades de negócios

Como vender no Dia das Mães mesmo em quarentena

O Dia das Mães é uma data importante para o comércio e só perde em número de vendas para o Natal. Nesse ano de 2020, a quarentena pode ameaçar as vendas nessa data, já que muitas pessoas estão em isolamento social ou economizando. Por isso, preparei 7 dicas para te ajudar a vender mesmo em tempos de crise:

1. Aprimore seu atendimento online

Para fazer um bom atendimento online não basta entregar o celular nas mãos de alguém que saiba utilizar o Whatsapp. É preciso se preparar para atender da forma que as pessoas querem. Afinal, diferente do atendimento na loja física, um cliente manda mensagem para várias empresas ao mesmo tempo e espera a resposta de todas elas. E, geralmente, ganha a venda quem tem o melhor atendimento. Assim, é preciso que a pessoa responsável por atender pela internet seja rápida, conheça as informações sobre preço e estoque e tenha fotos para enviar, caso sejam solicitadas. Além disso, é valioso que se tenha um atendimento humanizado, que faça o cliente se sentir próximo da empresa.

2. Demonstre seus cuidados com higiene e prevenção contra o Covid-19

Para que seu cliente se sinta mais seguro ao comprar, deixe muito claro que está tomando os devidos cuidados de higiene e prevenção contra o covid-19 (e realmente tome esses cuidados). Por exemplo, você pode colocar uma embalagem extra ou colocar um recado dizendo que as precauções foram tomadas. Não deixe de comunicar isso ao cliente, especialmente por meio das redes sociais. Pode ser interessante também contratar empresas de entrega que também estejam tomando medidas preventivas, já que esse é o ponto de contato mais crítico com o cliente.

3. Faça kits combinando produtos

Com ou sem quarentena, uma boa forma de aumentar seu ticket médio é elaborar kits com diversos produtos, para agilizar a decisão de compra do cliente. Junte produtos que combinem, como bolsa e carteira e ofereça uma embalagem bonita. Ainda, crie kits para vários perfis diferentes de mães (ex: mães modernas, mães jovens), facilitando a decisão do consumidor.

4. Crie opções para sogra, avó, madrinha

Além de presentear as mães, é comum que as pessoas presenteiem outras pessoas, pelas quais elas também têm carinho. É o caso das avós, sogras, madrinhas. Tenha opções para esse público. Mesmo que não sejam personalizados, você pode fazer sugestões de presentes para essas mulheres, tanto em suas redes sociais quanto no momento do atendimento online.

5. Crie presentes virtuais

Imagine a possibilidade de ninguém poder receber um presente em casa. O que você poderia oferecer para seu cliente? Elabore cartões digitais ou produtos digitais. Se você trabalha com lettering, pode vender o lettering em uma foto da pessoa. Se trabalha com música, pode vender um vídeo com uma canção personalizada. Se trabalha com cursos, pode oferecer um vale presente para a versão online. Use sua criatividade para adaptar seu produto da melhor forma possível. Se você não vê alternativa para elaborar um produto digital, você pode pensar em criar parcerias com outros negócios que fazem isso para você não perder o cliente.

6. Faça parcerias

Por falar em parcerias, caso você não tenha serviço de entrega ou mesmo um canal de vendas online, faça parcerias com empresas que já têm. Você pode se associar a um restaurante e criar um combo que contemple o almoço e o presente, por exemplo, para que o combo seja anunciado nos aplicativos de delivery e entregue por eles.

7. Não se esqueça da emoção dessa data

É compreensível que muitos empreendedores estejam nervosos ou desanimados e sem intenção de fazer nada especial no dia das mães. Porém, tente manter o bom ânimo. É hora de mostrar para seu cliente o quanto ele é importante, ainda que as vendas não estejam boas. Prepare postagens ou vídeos especiais, com homenagens para as mães. Gere uma conexão emocional com as pessoas, para que elas continuem se lembrando de sua marca.

Tempos difíceis exigem nossa capacidade de adaptação. Com uma boa dose de otimismo e boa vontade, nossa criatividade é estimulada. Use essas dicas para abastecer seu potencial de inovação e siga em frente!

Co-fundadora e diretora da Sempreende. PhD em Administração com foco em Empreendedorismo. Mestre em Empreendedorismo e Inovação pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Pós-graduada em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Facilitadora certificada da metodologia Lego® Serious Play®. Experiência de mercado como empreendedora no ramo de alimentação e consultora na Shell Brasil. Revisora da Revista de Empreendedorismo e Gestão de Pequenas Empresas. Consultora e facilitadora de programas de Empreendedorismo no Centro de Empreendedorismo e Incubação da UFG (CEI/UFG), Incubadora 3D (Prefeitura de Aparecida de Goiânia), Aldeia Incubadora (Uni-Anhanguera), UnIncubadora (UniEvangélica), Proin (UEG), Incubadora Athenas (UFG/Catalão), Incubadora Beetech (UFG/Jataí) e PUC Incubadora (PUC/GO). Já capacitou professores para o Empreendedorismo no Senac-GO, Senai-GO, UFG, Uni-Anhanguera e UniEvangélica.

0 comentário em “Como vender no Dia das Mães mesmo em quarentena

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: