Inteligência Emocional

Mindfulness no dia a dia: 2 atividades para você começar a meditar

Imagine que exista uma maneira de lidar com o estresse e ansiedade, melhorar a concentração, o sistema imunológico, aumentar a produtividade e até curar depressão.

Agora imagine que é algo gratuito e pode ser utilizado por qualquer ser humano independentemente do lugar em que esteja. Bom demais não é mesmo? Parece que estou falando de uma fórmula mágica, mas a atividade em questão é a prática de meditação mindfulness.

Mindfulness é um estado mental e também uma prática meditava. No Brasil comumente traduzida por mente plena ou atenção plena. Trata-se de estar presente no tempo corrente, aceitando e percebendo o que acontece no mundo interior e exterior, observando tudo com uma postura curiosa e sobretudo sem julgamentos e críticas.

Jhon Kabat-Zinn foi o responsável pelo primeiro programa de Mindfulness voltado para redução de estresse. Neurocientista da Universidade de Medicina de Massachussetts e discípulo do monge budista Thich Nhat Hanh, ele percebeu que as práticas de meditação que o monge ensinava tinham grande potencial e que essa potencialidade não era aproveitada pelo ocidente devido aos aspectos religiosos.

Jhon Kabat-Zinn tem o mérito de ter separado o caráter religioso do mindfulness e aproximado a prática do campo científico e terapêutico. Foi ele também quem quebrou mitos significativos acerca da meditação e que pairam no nosso imaginário popular.

Por exemplo, até pouco tempo atrás, nós achavamos que a meditação precisava ser praticada por horas a fio para se obter os benefícios ou que para meditar era necessário não pensar em nada.

A meditação não possui uma meta a ser atingida enquanto praticamos e não é possível meditar bem ou mal, afinal meditar é simplesmente o ato de prestar atenção ao que esteja presente em nossa mente.

Essa prática nos ensina a nos relacionarmos de uma forma diferente com nossos próprios pensamentos, emoções e sensações. Então vamos a prática? Serão duas atividades para você começar a despertar do piloto automático e começar a meditar.

Primeiro: escolha uma atividade do seu dia a dia que você faz sem prestar atenção como escovar os dentes, tomar banho ou dirigir e durante uma semana faça essa atividade de modo atento. Procure não fazer julgamentos, apenas esteja presente.

Segundo: use um timer, marque 2 minutos, e durante esse tempo procure prestar atenção apenas na sua respiração, sem alterá-la, apenas se concentre na sua respiração. Assim que sua mente começar a divagar (e sim já sabemos que isso vai acontecer), não se critique. Apenas traga a atenção de volta para a respiração.

Vamos experimentar? Em pouco tempo você verá os benefícios no trabalho e em sua vida pessoal!

Criadora do Método Leal, presente em mais de 11 instituições de ensino, e sócia fundadora da FL Desenvolvimento Humano. Graduada em História e Mestre em ensino pela UFG. Possui MBA em Desenvolvimento Humano e Psicologia Positiva, é Especialista em Inteligência Emocional, Coach pela Sociedade Latino Americana de Coaching e analista DISC. Tem cursos nas áreas de Flow, Mindfulness, Gamification e Neurociência. Professora de pós-graduação, consultora em grandes empresas realiza treinamentos voltados para Inteligência Emocional e Alta Performance. É palestrante com atuação internacional.

0 comentário em “Mindfulness no dia a dia: 2 atividades para você começar a meditar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: